A desconstrução de gênero na infância

Aline Ogasawara   As discussões a respeito de gênero vêm ganhado bastante espaço atualmente. A luta feminista traz à tona questões que são tratadas como naturais na sociedade, mas que precisam ser discutidas para que se alcance uma igualdade de gênero. A inserção do indivíduo no meio social começa na unidade primária: a família. Como os ideais de desconstrução de gênero desse movimento contribuem para … Continuar lendo A desconstrução de gênero na infância

Além da militância: diversidade e inclusão na produção acadêmica

O Centro de Artes Humanidades e Letras mostra como atrela militância e produção acadêmica por uma educação mais diversa. O Brasil em sua essência é composto por expressões culturais diversas entretanto durante muito tempo elas estiveram pouco e mal representadas na educação. Nos últimos anos o Ministério da Educação tem orientado suas políticas públicas para perceber e incluir os grupos historicamente apartados buscando a promoção … Continuar lendo Além da militância: diversidade e inclusão na produção acadêmica

Mulher também joga vídeo game. Sim!

Era uma vez uma princesa, que cansou de esperar seu príncipe no castelo, pegou um joystick e tomou o “controle” da situação. E foi assim que surgiu mais uma menina gamer. Quando eu tinha uns 12 anos (muito tempo atrás) fui questionada sobre porque eu estava jogando vídeo game com meu irmão e não brincando de boneca com minha prima. Então respondi: “ué, jogar vídeo … Continuar lendo Mulher também joga vídeo game. Sim!

Transformações sertanejas, modificando culturas

    O ritmo sertanejo tem sofrido várias modificações no seu gênero musical, o que tem gerado discussões sobre o que de fato seria  essa música caipira como também é conhecida,  e uma das principais  questões é como essas mudanças definiriam as formas de expressões artísticas do gênero, serão registradas ao longo da sua sua história. A música sertaneja é uma das manifestações da diversidade artística, cultural … Continuar lendo Transformações sertanejas, modificando culturas

10 Sugestões para aprender/discutir sobre diversidade na web

Confira uma seleção de 10 páginas, canais e sites da web que se propõem a discutir e promover conscientização sobre as questões que dizem respeito às mulheres, aos negros(as) e à comunidade LGBTI+. As discussões em torno de temas que abrangem a diversidade humana ganharam força especial nos últimos anos com a popularização do uso da internet. É inegável que essa ferramenta de comunicação global tornou possível … Continuar lendo 10 Sugestões para aprender/discutir sobre diversidade na web

Cultura Budista ganha espaço no Recôncavo Baiano

Recôncavo Baiano abre espaço para novas crenças religiosas  A região do Recôncavo Baiano, reconhecida por suas manifestações culturais e seu sincretismo religioso, sempre teve como principais crenças as religiões de matrizes africanas e o cristianismo. A cidade de Santo Amaro, famosa pelo seu grande número de terreiros de candomblé e com comunidade evangélica crescente, agora também abriga um centro budista. O espaço está situado na … Continuar lendo Cultura Budista ganha espaço no Recôncavo Baiano

As mulheres em Doctor Who

Uma discussão sobre como a representatividade feminina se modificou ao longo da maior série de todos os tempos  Doutor Quem? Doctor Who é a série mais antiga da televisão, lançada em 1963 pelo canal britânico BBC, completou em 2013 50 anos e hoje soma 36 temporadas, que podem ser divididas entre a série Clássica (produzida entre 1963 à 1989) e a mais recente, chamada de … Continuar lendo As mulheres em Doctor Who

Colégio: lugar de diversos estilos

Nenhuma outra época marcou mais a moda nos tempos de colégio do que a dos anos 60. As meias-calças coloridas e minissaias, as calças boca de sino, jaquetas com franjas e muitas outras peças faziam sucesso naquele período. O ambiente colegial, mesmo com fardamentos padronizados, voltou a ser palco para as manifestações de moda, conceito e estilos dos jovens e adolescentes. Desde uma customização na camisa … Continuar lendo Colégio: lugar de diversos estilos

Meninas, vamos jogar?

Cada vez mais mulheres se aventuram nos videogames, hoje já são 53% do publico brasileiro que joga. Embora essa crescente seja recente, elas já fazem parte desse mundo a muito mais tempo do que a maioria imagina. O primeiro console da história, o Magnavox Odyssey 100, em agosto completará 44 anos de lançamento. Ele é considerado um marco na indústria dos videogames, pois deu o pontapé inicial … Continuar lendo Meninas, vamos jogar?