As “moradas” do rock no interior baiano

por Caio Batista e Natália Figueiredo

Terra-mãe de alguns dos ritmos mais aclamados do Brasil, como o axé music e o samba, a Bahia também tem certo destaque na cena roqueira do país, “exportando” nomes como o do saudoso Raul Seixas, dos veteranos do Camisa de Vênus, a contemporânea Pitty e os independentes Cascadura e Maglore.

Apesar dessas contribuições luxuosas, o estado parece não contar com uma cena ativa, como pode-se perceber pela falta de casas de shows para o gênero, estúdios especializados e coletivos independentes – pelo menos na capital, Salvador, onde se encontram as principais bandas e músicos. No entanto, cidades do interior mostram cada vez mais comprometimento e união para manter acesa a chama do rock n’ roll, como pode-se perceber com a produção cada vez mais arrojada de festivais que movimentam o calendário cultural das cidades onde acontecem.

Confira alguns dos principais festivais independentes que rolam no interior do estado:

FEIRA NOISE

Foto: Divulgação Festival Feira Noise

Desde 2009, o Feira Noise vem se firmando como um dos maiores palcos de música independente no Norte-Nordeste. Com apoio da Rede de Festivais Independentes do Brasil (RFIB), o festival mobiliza não só a cena roqueira, mas também hip-hop, pop e artistas visuais. O lineup é bem diversificado, já tendo trazido à cidade nomes como Duda Beat (PE), Boogarins (GO) e Scalene (DF).

Onde: Feira de Santana (BA).

Quando: Novembro de 2019.

FESTIVAL SUÍÇA BAIANA

Foto: Divulgação Festival Suíça Bahiana

Outro grande destaque do interior é o Festival Suiça Baiana, que desde 2012, agita o cenário cultural de Conquista. O evento é um festival-irmão do Feira Noise, de Feira de Santana (BA), o que gera um “rodízio” de atrações e já trouxe nomes como o dos chilenos do Fiebre Séptica, Supercombo (ES) e Marcelo Gross (RS).

Onde: Vitória da Conquista (BA).

Quando: Novembro de 2019.

RUÍDOS NO SERTÃO

Foto: Divulgação Ruídos no Sertão

Mais uma vez, o sudoeste baiano nos brinda com um evento muito bem organizado e que valoriza os artistas locais. O festival, que acontece desde 2014, é responsável por fazer de Poções a cidade com o maior percentual de headbangers por metro quadro do interior da Bahia. Este ano, infelizmente, o evento não ocorrerá, mas, aos fãs, fica a expectativa por mais uma boa curadoria, que já trouxe nomes como o paulistano Edu Falaschi e o britânico Blaze Bayley (ex-Iron Maiden).

Onde: Porções (BA).

Quando: O evento não ocorrerá em 2019.

DOPESMOKE FESTIVAL 

Foto: Divulgação Dopesmoke Festival

Mais novo que os demais, porém, não menos importante para o rock independente do estado, o Dopesmoke Festival acontece desde o ano passado, sendo organizado pela produtora Dopesmoke, que, entre velhos e novos nomes, já trouxe a Feira de Santana bandas como o Ratos de Porão. Para a edição deste ano, a grande aposta da produtora é a banda californiana Brujeria, uma das maiores representantes mundiais do chamado grindcore/death metal.

Onde: Feira de Santana (BA).

Quando: 09 de novembro de 2019. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *