A filosofia e seus outros: entusiasmo e fanatismo nos séculos 17 e 18

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31977/grirfi.v22i1.2559

Palavras-chave:

Entusiasmo; Fanatismo; Sátira; Iluminismo.

Resumo

As noções de entusiasmo e fanatismo, por sobre estarem associadas ao fenômeno concreto do fervor religioso à época da Reforma, foram também, ao longo dos séculos 17 e 18, o objeto de uma literatura que construiu uma imagem específica dos assim chamados entusiastas, fossem eles os puritanos ingleses, os profetas huguenotes ou os convulsionários jansenistas. Ao construir essa imagem, a literatura – filosófica, médica ou satírica – produziu ao mesmo tempo a imagem especular de si mesma, ora como pura alteridade em relação ao fanático, ora relativizando essa oposição. Nosso percurso parte de algumas dessas formulações na Inglaterra do início do século 17 para, em seguida, se deter com mais demora nas elaborações de Swift e Diderot acerca do fanatismo e do entusiasmo, de início a meados do século XVIII, mostrando que a própria filosofia, frequentemente entendida como o avesso do fanatismo ou da loucura, pode também converter-se em seu outro quando cede ao entusiasmo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Felipe Cordova, Universidade Federal do Paraná (UFPR)

Doutorando(a) em Filosofia na Universidade Federal do Paraná (UFPR), Curitiba – PR, Brasil.

Referências

BURTON, Robert. The Anatomy of Melancholy. Anboco, 2016.

CHANTIN, Jean-Pierre. Le jansénisme. Entre hérésie imaginaire et résistance catholique (XVIIe – XIXe siècle). Paris: Les Éditions du Cerf, 1996.

DIDEROT, D. Oeuvres I. Paris: Robert Laffont, 1994.

DIDEROT, D. Œuvres complètes 4. Paris: Le Club Français du Livre, 1970.

DIDEROT, D. Diderot Obras II. São Paulo: Perspectiva, 2000.

DIDEROT e D’ALEMBERT. Encyclopédie, ou dictionnaire raisonné des sciences, des arts et des métiers. Vol. XIV (1765). Disponível em: http://enccre.academie-sciences.fr/encyclopedie/article/v14-2417-0/. Consultado pela última vez em 03 de agosto de 2021.

JONSON, Ben. The Selected Plays of Ben Jonson Volume 2. Cambridge University Press, 1989.

MORE, H. A collection of several philosophical writings of Dr. Henry More. 1662. Disponível em: https://gallica.bnf.fr. Consultado pela última vez em 03 de agosto de 2021.

SHAFTESBURY. Characteristics of men, manners, opinions, times. Cambridge University Press, 2000.

SWIFT, J. The basic writings of Jonathan Swift. Nova Iorque: The Modern Library, 2002.

WEBSTER, C. M. Swift and Some Earlier Satirists of Puritan Enthusiasm. PMLA, vol. 48, no. 4, 1933, pp. 1141–1153. Disponível em: www.jstor.org/stable/458201. Consultado pela última vez em 03 de agosto de 2021.

Downloads

Publicado

2022-02-27

Como Citar

CORDOVA, F. A filosofia e seus outros: entusiasmo e fanatismo nos séculos 17 e 18. Griot : Revista de Filosofia, [S. l.], v. 22, n. 1, p. 12–21, 2022. DOI: 10.31977/grirfi.v22i1.2559. Disponível em: https://www3.ufrb.edu.br/seer/index.php/griot/article/view/2559. Acesso em: 7 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos