Fundamentos teóricos da ditática de física: algumas reflexões a partir da prática docente

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31977/grirfi.v2i2.474

Palavras-chave:

Didáctica de Física; Práticas de Ensino e Aprendizagem; Currículo; Laboratório de Física; Universidade Pedagógica; Moçambique.

Resumo

A presente comunicação é o resultado de uma pesquisa bibliográfica e das constatações  do autor derivadas da sua experiência no processo de ensino e aprendizagem, mormente na disciplina de Didáctica de Física. Tomando como pressuposto de que a Didáctica de Física ou a Prática de Ensino de Física, ocupa um papel preponderante no currículo de Formação do corpo discente e docente na Universidade Pedagógica, o autor trás à tona uma discussão teórica com vários autores que de algum tempo à esta parte se têm debruçado sobre o assunto. Nesta discussão, o autor se apegou no seguinte tripé: a) A dicotomia ensino e aprendizagem em Física; b) A prática de ensino de Física: realidades e desafios rumo à novos paradigmas didáctico – epistemológicos e c) Algumas reflexões pessoais do autor, arraigadas na sua experiência profissional e não só. O desdobramento deste tripé, serviu para cimentar a sua convicção, antes tida como premissa, segundo a qual, o ensino de Física, sobretudo em se tratando de cursos universitários, a actividade experimental precisa ter em conta à aspectos como a descrição das aulas, o modo como são organizadas, a valorização das actividades experimentais desenvolvidas em pequenos grupos, bem como a abordagem que focaliza a demonstração de conceitos e fenómenos discutidos teoricamente. E ainda, o direccionamento das actividades para favorecer elementos didácticos como o desenvolvimento de habilidades, observação e interpretação, entre outros. Para que estes pressupostos ganhem eco na nossa plataforma curricular, é necessário que a formação de professores de Física, dê maior importância aos contornos ecológicos, sociais e económicos que bordejam o espaço educacional. A percepção teórica que isso dá ao educador, aglutinado ao saber teórico-prático deste, da realidade que circunda a escola, é a que dá ao educador, premissas e ferramentas para poder equacionar e apropriar-se com eficácia dos ambientes sócio-culturais existentes neste espaço ecológico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jó António Capece, Universidade Pedagógica de Moçambique (UP)

Doutor em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e  Professor Associado da Universidade Pedagógica de Moçambique (UP), Maputo – Moçambique.

Referências

ABIB, Maria Lúcia Vital dos Santos. A contribuição da prática de ensino na formação inicial dos professores de Física. In: ROSA, Dalva E. Gonçalves & SOUSA, Vanilton Camilo (Org.). Didática e práticas de ensino: interface com diferentes saberes e lugares formativos, Rio de Janeiro, DP&A, 2002;

ALVES-FILHO, J. P. Actividades experimentais: do método à prática construtivista. Tese de Doutorado, UFSC, Florianópolis, 2000;

ARAUJO, Mauro S. T. & ABIB, Maria L. V. S. Atividades experimentais no Ensino de Física: diferentes enfoques, diferentes finalidades. Revista de Ensino de Física, v. 25, nº 2, São Paulo, 2003;

BARBERÀ, Helena et. Al. Construtivismo na prática, Porto Alegre, Artmed, 2004;

BRODIN, G. The role of the laboratory in education of industrial physicists and electrical engineers, [S.I. : s.n.], 1978;

CAPECE, Jó António. O resgate do saber das comunidades locais para a melhoria da qualidade do ensino de Ciências Naturais do primeiro grau do nível primário, em Moçambique, . 2001, (Tese de Doutorado. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo);

CARVALHO, A. M. & GIL-PÉREZ, D. Formação de professores de Ciências, São Paulo, Cortez, 1993;

CHEVALLARD, Y. La transposición didáctica: del saber enseñado. La Pensée Sauvage, Argentina, 1991;

CHEVALLARD, Y. O saber e o saber fazer do professor. In: Castro, A. D; Carvalho. A. M. P. (Org.) Ensinar a ensinar. São Paulo, Pioneira, 2000;

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 11ª ed., São Paulo, Paz e Terra, 1996;

FREIRE, Paulo. Freire: Política e Pedagogia. Porto, porto editora, 1998;

LIBÂNEO, José Carlos. Didática, Cortez, São Paulo, SP, 2004;

MORAES, Roque (Org.). Construtivismo e Ensino de Ciências: Reflexoões epistemológicas e metodológicas, 2ª ed. Porto Alegre, EDIPUCRS, 2003;

PINHO ALVES, J. Regras da transposição didádica aplicada ao laboratório didático. Caderno Catarinense de Ensino de Física. Florianópolis, v. 17, nº 2, 2000;

ROSITO, Berenice Álvares. O Ensino de Ciências e a Experimentação. In: MORAES, Roque (Org.). Construtivismo e Ensino de Ciências: Reflexões epistemológicas e metodológicas. 2ª ed. Porto Alegre, EDIPUCRJ, 2003.

SILVA, Tomás Tadeu da. Teorias de Currículo: uma introdução crítica. Porto, Porto Editora, 2000;

Downloads

Publicado

2010-12-13

Como Citar

CAPECE, J. A. Fundamentos teóricos da ditática de física: algumas reflexões a partir da prática docente: Array. Griot : Revista de Filosofia, [S. l.], v. 2, n. 2, p. 63-73, 2010. DOI: 10.31977/grirfi.v2i2.474. Disponível em: https://www3.ufrb.edu.br/seer/index.php/griot/article/view/474. Acesso em: 20 set. 2021.

Edição

Seção

Artigos