Raimond Gaita e a compreensão da moralidade a partir do reconhecimento da realidade do outro

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31977/grirfi.v17i1.812

Palavras-chave:

Gaita; Moral; Remorso; Reconhecimento

Resumo

Explora-se no presente artigo a função que o reconhecimento do outro desempenha para a moralidade no âmbito da obra Good and Evil: An Absolute Conception, de Raimond Gaita, a partir da centralidade da noção de remorso, entendido como a recordação do significado moral para o agente daquilo que ele fez. Serão resgatados os exemplos partir dos quais Gaita pretende enfatizar o peso da moralidade e o significado de se fazer o mal moralmente para alguém. Não se pode compreender, segundo o filósofo, uma situação como moralmente problemática se não for inteligível que quem a realizou deveria sentir um remorso genuíno diante constatação do mal gerado a partir de suas ações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Susie Kovalczyk dos Santos, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Doutoranda em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Rio Grande do Sul – Brasil.

Referências

BENTHAM, Jeremy. An Introduction to the Principles of Morals and Legislation. Edited by J. H. Burns, H. L. A. Hart. With a New Introduction by F. Rosen. Oxford: Clarendon Press, 1996.

CORDNER, Chistopher. Ethical Encounter: The Depth of Moral Meaning. Houndmills: Palgrave, 2002.

GAITA, Raimond. Good and Evil: An Absolute Conception. 2. ed. New York: Routledge, 2004.

KANT, Immanuel. Foundations of the Metaphysics of Morals. New York: Bobbs-Merrill, 1969.

MILL, John Stuart. Utilitarianism. Oxford: Oxford University Press, 1998.

PIHLSTRÖM, Sami. Transcendental guilt: On an Emotional Condition of Moral Experience. Journal of Religious Ethics, v. 35, n. 1, p. 87–111, mar., 2007.

Downloads

Publicado

2018-06-19

Como Citar

SANTOS, S. K. dos. Raimond Gaita e a compreensão da moralidade a partir do reconhecimento da realidade do outro. Griot : Revista de Filosofia, [S. l.], v. 17, n. 1, p. 12–21, 2018. DOI: 10.31977/grirfi.v17i1.812. Disponível em: https://www3.ufrb.edu.br/seer/index.php/griot/article/view/812. Acesso em: 27 out. 2021.

Edição

Seção

Artigos