Comportamento à flexão de placas cimentícias reforçadas com tecidos estruturais de fios de sisal

Autores

  • João Victor Gomes Borges da Cruz UFRB
  • Viana, R. S.
  • Arruda Filho, A. B. Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Palavras-chave:

Compósitos, Matriz cimentícia, Tecidos de sisal

Resumo

Esta pesquisa analisou o comportamento mecânico do compósito cimentício, desenvolvido a partir de tecidos estruturais de fios de sisal, com a finalidade de obter um material com maior resistência aos esforços de flexão. Ao reforçar matrizes frágeis com fibras naturais sua resistência à tração e flexão são aumentadas, além de evitar ou atrasar o surgimento de fissuras. Os materiais principais neste trabalho foram o sisal e os constituintes da argamassa: cimento, areia, água, aditivos e adições. Foi adquirido um tecido de sisal que facilitasse a impregnação pela matriz. Nesta pesquisa, era esperado desenvolver um compósito leve e tenaz, com matriz cimentícia aliada a um tecido bidirecional de fios de sisal. Para tanto, foi analisado o comportamento mecânico do compósito, através do ensaio de flexão em quatro pontos. Foram desenvolvidas duas placas: uma com apenas uma camada de reforço e outra com duas camadas de reforço. Cada placa forneceu 4 corpos de prova com formato de paralelepípedo retangular com 40 cm de comprimento, 10 cm de largura e 1 cm de espessura. O ensaio de flexão em quatro pontos foi realizado após 28 dias de cura e, através dos resultados obtidos, foi possível constatar que os corpos de prova com duas camadas obtiveram melhores resultados: houve aumento no valor da tensão máxima, do módulo de elasticidade, da tensão crítica, do número de fissuras e houve redução no valor do deslocamento na tensão máxima. Embora as propriedades tenham sido melhoradas com a adição de uma camada de reforço, o compósito analisado nesta pesquisa ainda não possui potencial para utilização em elementos estruturais ou de vedação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Viana, R. S.

Bacharela (UFRB) em Ciências Exatas e Tecnológicas e graduanda (UFRB) de Engenharia Civil

Arruda Filho, A. B., Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Mestre em Engenharia Ambiental Urbana pela Universidade Federal da Bahia (2015). Possui graduação em Engenharia de Produção Civil pela Universidade do Estado da Bahia (2008). Graduação em Licenciatura Plena em Construção Civil pela Universidade do Estado da Bahia (1998) Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Construção Civil

Downloads

Publicado

13-07-2021

Edição

Seção

Engenharia Civil