REPENSANDO A EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA NO CAMPO DE PÚBLICAS A PARTIR DE UM CENÁRIO DE ISOLAMENTO SOCIAL: O CASO DO PRINAGEM MODALIDADE REMOTA EM LUMINÁRIAS-MG

Autores

  • Gabrielly Fernandes Ribeiro Universidade Federal de Lavras
  • Gustavo Costa de Souza Universidade Federal de Lavras

Palavras-chave:

Extensão universitária, Capacitação continuada, Experiência profissional, Problemas públicos

Resumo

Este trabalho analisa uma experiência de extensão universitária no Campo de Públicas através do estudo de caso do Programa de Internato em Administração e Gestão Municipal (Prinagem). O projeto foi executado por uma equipe de graduandos, professores e pós-graduados da Fundação João Pinheiro e da Universidade Federal de Lavras, com o objetivo de auxiliar na resolução de algumas demandas do município de Luminárias-MG, Brasil. Por meio de reuniões online e estudos diagnósticos, as soluções foram construídas em colaboração com a equipe técnico-administrativa municipal. O produto final foi uma cartilha de cursos para servidores públicos de diversos setores e novas avaliações de desempenho para atender às demandas. Na primeira parte, o artigo contextualiza a importância das atividades de extensão na vida acadêmica e profissional, bem como suas consequências no meio social, apontando os desafios trazidos pela pandemia de Covid-19. Assim, trata-se da formação do graduando como extensionista, de suas visões e interpretações dos problemas públicos, em contraposição aos dos servidores públicos e da interação desses atores para o alcance das soluções. Destaca a disseminação do conhecimento acadêmico em uma perspectiva democrática de acesso e otimização de recursos econômicos e humanos na execução das atividades de extensão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabrielly Fernandes Ribeiro, Universidade Federal de Lavras

Bacharel em Administração Pública pela Universidade Federal de Lavras (UFLA).

Gustavo Costa de Souza, Universidade Federal de Lavras

Docente pelo departamento de Administração Pública  da Universidade Federal de Lavras

Referências

ANTUNES, M. H., STRINGARI, F. B., SANTANA, P. C., GIRARDI, A. A. Extensão Universitária em Tempos de Ensino Remoto: relato de experiência do Projeto Vida Saudável e Bem Estar. Revista de Extensão e Iniciação Científica, Reis, UNISOCIESC. 2020. Recuperado de: <http://reis.unisociesc.com.br/index.php/reis/article/view/275/278>

Baxto, W., Amaro, R., & Mattar, J. (2019). Distance Education and the Open University of Brazil: History, Structure, and Challenges. The International Review of Research in Open and Distributed Learning, 20(4). https://doi.org/10.19173/irrodl.v20i4.4132

BOCCATO, V. R. C. Metodologia da Pesquisa Bibliográfica na Área Odontológica e o Artigo Científico Como Forma de Comunicação. Revista Odontológica Univ. Cidade de São Paulo, São Paulo, 2006, v.18, n.3, p.265-274.

__________. Demandas Municipais - Formulário de Inscrição 10° Edição Prinagem. Gerência de Extensão e Relações Institucionais da Escola de Governo - GERI-EG. Google Forms, 2021a.

DEMO, Pedro. Lugar da Extensão.In: FARIA, Dóris Santos (ORG.). Construção conceitual da Extensão Universitária na América Latina. Brasília: Universidade de Brasília, 2001.

DINIZ, Emily G. M.; SILVA, Adriana M.; NUNES, Paulo H. V.; FRANCA,Wilza W. M.; ROCHA, João V. R.; SILVA, Débora V. S. P.; SANTOS, Victor H. B. A extensão universitária frente ao isolamento social imposto pela COVID-19. Brazilian Journal of Development, Curitiba, 2020, v. 6, n. 9, p. 72999-73010.

FONSECA, J. J. S. Metodologia da pesquisa científica. Fortaleza: UEC, 2002. Apostila.

FREIRE P. Extensão ou Comunicação? 14 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra; 2010.

GARBIN, H. B. R.; GUILAM, M. C. R.; PEREIRA NETO, A. F. Internet na promoção da saúde:um instrumento para o desenvolvimento de habilidades pessoais e sociais. Physis Revista de Saúde. Coletiva, v. 22, n. 1, p. 347-363, 2012. Recuperado em: <https://www.scielo.br/j/physis/a/YkMhNrj5m86mQ5QXtNsNdCs/?lang=pt:

GARCIA, T. M. R., PENTEADO, M. G. Potencialidades e Limitações do Uso da Internet na

Organização da Prática de Ensino da Matemática. Perspectivas da Educação Matemática, Campo Grande, MS, v. 4, n. 7, p. 39-53, jan./jun./ 2011.

GERHARDT, T. E., SILVEIRA, D. T. Métodos de Pesquisa. UFGRS Editora, 1º edição: 2009.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

GUSSO, H. L., ARCHER, A. B., LUIZ, F. B., SAHÃO, F. T., LUCA, G. G., HENKLAIN, M. H. O., PANOSSO, M. G., KIENEN, N., BELTRAMELLO, O., GONÇALVES, V. M. Ensino Superior em Tempos de Pandemia: diretrizes à gestão universitária. DEBATES & POLÊMICAS. Educ. Soc. 41, 2020. Recuperado de: < https://doi.org/10.1590/ES.238957>

KAPLAN, A. M.; HEANLEIN, M. Higher education and the digital revolution: About MOOCs, SPOCs, social media, and the cookie monster. Business Horizons, Indiana, v. 59, n. 4, p. 441-450, July-Aug. 2016. Recuperado de: < https:// doi.org/10.1016/j.bushor.2016.03.008>

LEI ORDINÁRIA Nº 1172 DE 2012, SEÇÃO II, CAPÍTULO III. Prefeitura Municipal de Luminárias – MG. Recuperado de: < https://luminarias.mg.gov.br/images/Leis/LEI_ORDIN%C3%81RIA_N%C2%BA_1172_2012.pdf>

LÜDKE, M.; ANDRÉ, M.E.D.A. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo, EPU, 1986, p.38.

MARQUES, GEC. A Extensão Universitária no Cenário Atual da Pandemia do COVID-19. Revista Práticas em Extensão. São Luís, v. 04, nº 01, 42-43, 2020.

MELÓ, C. B., FARIAS, G. D., NUNES, V. R. R., ANDRADE, T. S. A. B., PIAGGE, C. S. L. D. A extensão universitária no Brasil e seus desafios durante a pandemia da COVID-19. Research, Society and Development, v. 10, n. 3, e1210312991, 2021 (CC BY 4.0) | ISSN 2525-3409 | DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v10i3.12991.

MIGUENS, S. A. Q. Jr., CELESTE, Roger Keller. Capítulo 13, A Extensão Universitária. ResearchGate. Agosto, 2014. Recuperado de https://www.researchgate.net/publication/253645827 acesso em 30 de Julho, 2021.

PEREIRA, M. F., MARQUES, S. M. A Importância da Qualificação e Capacitação Continuada dos Funcionários: o caso da Universidade Federal de Juiz de Fora. Encontro Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração. EnANPAD, 2004. Recuperado de: http://www.anpad.org.br/admin/pdf/enanpad2004-gpg-0876.pdf

__________. Relatório de Avaliação da 10a Edição do Programa de Internato em Administração e Gestão Municipal – Prinagem. Gerência de Extensão e Relações Institucionais da Escola de Governo - GERI-EG. FJP, Belo Horizonte, 2021b.

__________. Relatório Troca de Experiências 10° Edição Prinagem. Gerência de Extensão e Relações Institucionais da Escola de Governo - GERI-EG. FJP, Belo Horizonte, 2021c

RIBEIRO, G. F, PEREIRA, F. C., CAMPOS, R. S., MENEZES, L. G. Relatório Final: Município de Luminárias-MG. 10a Edição do Programa de Internato em Administração e Gestão Municipal – Prinagem. Gerência de Extensão e Relações Institucionais da Escola de Governo - GERI-EG. FJP, Belo Horizonte, Fevereiro, 2021b.

RICCI, E. C.; DIMOV, T.; CASSIAS, T. S. & DELLBRÜGGER, A. P. University experiences of occupational therapy in Brazil during the Covid-19 pandemic: Contributions and support in mental health for the population. World Federation of Occupational Therapists Bulletin, 76 (2), 75–77, setembro, 2020.

ROCHA, João V. R.; SILVA, Débora V. S. P.; SANTOS, Victor H. B. A extensão universitária frente ao isolamento social imposto pela COVID-19. Brazilian Journal of Development., Curitiba, 2020, v. 6, n. 9, p. 72999-73010.

SAMPAIO, J. H. Política Nacional de Extensão: referenciais teórico-práticos para sua construção. In: Calderón AI, editor. Ação Comunitária – uma outra face do ensino superior brasileiro. São Paulo: Olho d ‘Água; 2004.

SOUZA, W. M. DE, & MACEDO, E. C. Extensão em tempos de pandemia: as redes sociais como veiculadoras de educação em saúde. RAÍZES E RUMOS, 2020, 8(2), 336–347. Recuperado de http://seer.unirio.br/raizeserumos/article/view/10223

STEIGLEDER, L. I., ZUCCHETTI, D. T. & MARTINS, R. L. (2019). Trajetória Para A Curricularização Da Extensão Universitária: Atuação Do Forext E Diretrizes Nacionais. Revista Brasileira de Extensão Universitária, 10 (3), 167-174.

TASSONI, D. S., CAS, E. M., OLIVEIRA, M. D., POLL, F. A., ETGES, B. I. Desafios da extensão universitária em tempos de pandemia Covid-19: um relato de experiência. Mostra de Extensão, Ciência e Tecnologia da UNISC. Unisc, 2020.

VIANA, A. D., SANTOS, J. P., OLIVEIRA, M. S., SOUZA, O. C. E. H., SANTOS, R. B. R. Quarentemas: discussões virtuais interdisciplinares em tempos de quarentena. Revista Extensão & Sociedade, Especial Covid-19, v. 12, n. 1, 2020. Volume complementar - COVID-19.

Arquivos adicionais

Publicado

28.07.2022

Como Citar

Fernandes Ribeiro, G., & Costa de Souza, G. (2022). REPENSANDO A EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA NO CAMPO DE PÚBLICAS A PARTIR DE UM CENÁRIO DE ISOLAMENTO SOCIAL: O CASO DO PRINAGEM MODALIDADE REMOTA EM LUMINÁRIAS-MG. Revista Extensão, 22(1), 46–59. Recuperado de https://www3.ufrb.edu.br/seer/index.php/revistaextensao/article/view/2686