SOLIDÃO, ESTRATÉGIAS DE CUIDADO À SAÚDE DO IDOSO E O ENVELHECIMENTO SAUDÁVEL EM TEMPOS DE PANDEMIA

Autores

Palavras-chave:

Educação médica, Extensão, Saúde do idoso, Envelhecimento saudável, Pandemia

Resumo

Introdução: O desenvolvimento de estratégias de cuidado à saúde do idoso em tempos de pandemia inclui mediação por Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TICs) em redes sociais, educação digital, telessaúde, entre outras. Objetivo: Relatar a experiência de um projeto de extensão para o desenvolvimento de educação em saúde sobre COVID-19, utilizando TICs no cuidado à saúde do idoso, promoção do envelhecimento saudável e prevenção dos impactos negativos da solidão durante a pandemia do SARS-CoV-2. Método: Trata-se de estudo exploratório-descritivo, tipo relato de experiência, sobre projeto de extensão “Brasil sem Corona”, desenvolvido por discentes e docentes do curso de medicina, em Caicó-RN, no período de março a outubro de 2020, integrando resultados institucionais de pesquisa, inovação tecnológica e extensão em contexto pandêmico. Resultados: O projeto cumpriu seus objetivos, como promoção da saúde do idoso de forma qualificada e humanizada, utilizando meio de comunicação popularizado em tempos de distanciamento social. Acrescenta-se aspecto formativo para os estudantes, com desenvolvimento de habilidades de comunicação, pesquisa, levantamento de evidências e engajamento estudantil. Conclusão: O envolvimento discente, publicação de capítulos de livros, comunicação científica em eventos são indicadores da importância do projeto estar listado entre as boas práticas na área da educação médica na pandemia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marianna Gil de Farias Morais, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Discente do curso de medicina da Escola Multicampi de Ciências Médicas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Larissa de Menezes Albuquerque Coelho, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Discente do curso de medicina da Escola Multicampi de Ciências Médicas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte 

Anna Santana Pereira Rolim de Araújo, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Discente do curso de medicina da Escola Multicampi de Ciências Médicas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Breno Vinícius Dias de Souza, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Discente do curso de medicina da Escola Multicampi de Ciências Médicas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Tulia Fernanda Meira Garcia , Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Fonoaudióloga pela Universidade de Fortaleza (UNIFOR), Doutora em Gerontologia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Título de Especialista em Gerontologia pela Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG), Docente do curso de medicina da Escola Multicampi de Ciências Médicas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (EMCM/UFRN)

Referências

ABDI. Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial. Cadernos Temáticos – Tecnologias de Informação e Comunicação – TIC: Sistemas Aplicados a Saúde Humana. Brasília: ABDI, 2010.

AQUINO, E.M.L. et al. Medidas de distanciamento social no controle da pandemia de COVID-19: potenciais impactos e desafios no Brasil. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 25, supl. 1, p. 2423-2446, jun. 2020.

BRASIL. Secretaria de Atenção Primária à Saúde (SAPS). Protocolo de manejo clínico do coronavírus (COVID-19) na Atenção Primária à Saúde. Versão 8. Brasília, 2020.

DE FARIAS MOREIRA, E.M.; DE SOUSA, M.N.A. Olhares sobre o impacto do isolamento social à saúde mental do idoso. Journal of Medicine and Health Promotion, v. 6, p. 234-244, 2021.

FERREIRA, M.C.; TEIXEIRA, K.M.D. O uso de redes sociais virtuais pelos idosos. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, Porto Alegre, v. 22, n. 3, p. 153-167, 2017.

GARCIA, T.F.M. Significados de velhice bem-sucedida segundo idosos: associações com déficit cognitivo, fragilidade e condições de saúde. 2019. 141 f. Tese (Doutorado em Gerontologia) – Faculdade de Ciências Médicas, Universidade Estadual de Campinas. Campinas, 2019.

HAMMERSCHMIDT, K.S.A.; SANTANA, R.F. Saúde do idoso em tempos de pandemia COVID-19. Cogitare enfermagem, [S.1.], v. 25, apr. 2020. Disponível em: <https://revistas.ufpr.br/cogitare/article/view/72849>. Acesso em: 26 de jul. 2020.

KALACHE, A. et al. Envelhecimento e desigualdades: políticas de proteção social aos idosos em função da Pandemia Covid-19 no Brasil. Rev Bras Geriatr Gerontol, v. 23, n. 6, e200122, 2020.

LANDEIRO, F. et al. Reducing social isolation and loneliness in older people: a systematic review protocol. BMJ Open, v. 7, n. 5, may. 2017.

LIMA-COSTA, M.F. et al. The Brazilian longitudinal study of aging (ELSI-BRAZIL): objectives and design. American journal of epidemiology, v. 187, n. 7, p. 1345-1353, 2018.

LOPES, L.M.V.; GARCIA, T.F.M. Diálogos de vida na Tenda do Conto: cuidado, bem-estar e qualidade de vida no envelhecimento. In: Ensino, Saúde e Envelhecimento: inter(ações) dialógicas. 1 ed. Curitiba: CRV, v. 1, p. 99-117, 2018.

ROMERO, D.E. et al. Idosos no contexto da pandemia da COVID-19 no Brasil: efeitos nas condições de saúde, renda e trabalho. Cadernos de Saúde Pública v. 37, n. 3, e00216620. Available from: <https://doi.org/10.1590/0102-311X00216620>. ISSN 1678-4464. https://doi.org/10.1590/0102-311X00216620.

SZWARCWALD CL, Souza Júnior PRB, Damacena GN, Malta DC, Barros MBA, Romero DE, Almeida WDS, Azevedo LO, Machado ÍE, Lima MG, Werneck AO, Silva DRPD, Gomes CS, Ferreira APS, Gracie R, Pina MF. ConVid - Behavior Survey by the Internet during the COVID-19 pandemic in Brazil: conception and application methodology. Cad Saude Publica. 2021 Apr 30;37(3):e00268320. English, Portuguese. doi: 10.1590/0102-311X00268320. PMID: 33950078.

VASCONCELOS, C.S.S.; et al. O novo coronavírus e os impactos psicológicos da quarentena. DESAFIOS-Revista Interdisciplinar da Universidade Federal do Tocantins, v. 7, n. Especial-3, p. 75-80, 2020.

WHO. WORLD HEALTH ORGANIZATION. Active ageing: a policy framework. Geneva: World Health Organization; 2002.

Arquivos adicionais

Publicado

28.07.2022

Como Citar

Gil de Farias Morais, M., de Menezes Albuquerque Coelho, L. ., Pereira Rolim de Araújo, A. S. ., Vinícius Dias de Souza, B., & Fernanda Meira Garcia , T. . (2022). SOLIDÃO, ESTRATÉGIAS DE CUIDADO À SAÚDE DO IDOSO E O ENVELHECIMENTO SAUDÁVEL EM TEMPOS DE PANDEMIA. Revista Extensão, 22(1), 157–162. Recuperado de https://www3.ufrb.edu.br/seer/index.php/revistaextensao/article/view/2878